Destaques

Dia 23 de outubro, a FCT NOVA acolhe o evento "Raw Materials University Day "que terá lugar na Sala Ágora (manhã) e no Auditório do CENIMAT (tarde).
Trata-se de um dia aberto, com o intuito de divulgar a importância das matérias primas na economia portuguesa e europeia. 

"É mais o que os une do que aquilo que os afasta"

"Gostaria de ouvir um comprometimento mais sólido sobre a forma de apoiar a investigação e os meios que esta precisa para a realizar." 1 de Outubro de 2019 / Jornal Público

Estudo inovador sobre o tratamento de águas poluídas desenvolvido pelas investigadoras da NOVA, Ana Pimentel e Vanessa Jorge Pereira, ganha Prémio de Investigação Colaborativa Santander/NOVA  2018/2019. 

The collaborative laboratory Associação AlmaScience - Investigação e Desenvolvimento em Celulose para Aplicações Inteligentes e Sustentáveis (CoLAB AlmaScience), funded by the Lisbon 2020 Operational Program, in the Competitiveness and Employment thematic area, through the European Social Fund (ESF), LISBOA-05-3559-FSE-000007, has opened up to hire junior researchers and PhDs.

Diana Gaspar, investigadora do CENIMAT/i3N e CEMOP / UNINOVA, ganhou o prémio de melhor poster no 7th Dresden Nanoanalysis Symposium com o seu trabalho intitulado "Logic Operations with Oxide Field Effect Transistors on Cellulose Substrates”

The poster “Front contact light trapping structures by design for maximum efficiency enhancement of thin film solar cells” by Hugo Águas, Manuel J. Mendes, Olalla S. Sobrado, Sirazul Haque, Miguel Alexandre, Manuel Chapa, Tiago Mateus, Elvira Fortunato and Rodrigo Martins, won the Best Poster Presentation Award in the ICANS28 

 

Como é habitual, é organizado um concurso, com prémios cujos regulamentos e ficha de candidatura se anexam, visando distinguir as melhores teses sobre Ciência e Engenharia de Materiais de estudantes finalistas do 2º ciclo de cursos das áreas de Ciências e Engenharia, incluindo os Institutos Politécnicos, referentes aos anos lectivos 2017-2018 e 2018-2019.

Bolsas oferecidas pelo INL em Quantum Science and Technology, para doutoramento e a serem co-orientadas com membros da equipa do Professor Rodrigo Martins

O Professor Luís Pereira foi distinguido pelos estudantes do Departamento de Ciência dos Materiais como o professor com as melhores competências pedagógicas no ano lectivo 2018-2019.

Neste mês de Julho de 2019, Diana Gaspar concluiu o Programa Doutoral em Materiais e Processamento Avançados - AdvaMTech na sua instituição de acolhimento, Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade NOVA de Lisboa

Eventos

22 Abr 2020 - 22 Mai 2020
Actividade Cultural

INVESTIGAÇÃO

Centro de Investigação de Materiais
Centro de Investigação de Materiais

CENIMAT é um centro de investigação científica nacional financiado pelo Ministério da Ciência e da Tecnologia, através da Fundação para a Ciência e a Tecnologia.

Centro de Excelência de Microelectrónica e Optoelectrónica de Processos
Centro de Excelência de Microelectrónica e Optoelectrónica de Processos

O CEMOP é um Centro Tecnológico ligado ao Departamento de Ciência dos Materiais através do sector de Materiais Semicondutores. O Centro está vocacionado para a investigação e desenvolvimento tecnológico nas áreas da Microelectrónica, Optoelectrónica e tecnologias afins, com alta capacidade de adaptação às novas tecnologias. 

Conheça o DCM

O Departamento de Ciência dos Materiais (DCM) da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa (FCT NOVA) foi o primeiro a ser criado a nível Nacional, em 1976, por iniciativa do seu primeiro presidente, o Prof. Leopoldo Guimarães. O objectivo inicial foi o de criar cursos de extensão universitária na área dos materiais conducentes à criação de uma licenciatura de raiz que abrangesse uma vasta gama de domínios científicos, nomeadamente a metalurgia, os materiais semicondutores, os materiais poliméricos e mesomorfos, os materiais cerâmicos e vidros, a cristaloquímica e o controle de qualidade.

Desde então o Departamento de Ciência dos Materiais tem crescido e diversificado as suas actividades, devido essencialmente ao esforço do seu corpo docente e técnico, consubstanciado num vasto número de projectos (académicos e industriais) financiados por entidades Nacionais, Europeias e Internacionais. Tal permitiu a sua moderna adequação às novas tecnologias, dispondo para tal de infraestruturas laboratoriais únicas em Portugal, de ensino e de investigação, reconhecidas internacionalmente e que têm permitido formar Engenheiros de Materiais de elevada qualidade científica e técnica, capazes de responderem às solicitações da sociedade actual.

SABER MAIS